Não deu para o joinvilense: lutador Caio Felipe Ramos perde luta no Rio de Janeiro

Não deu para o joinvilense: lutador Caio Felipe Ramos perde luta no Rio de Janeiro

Compartilhe este conteúdo

Atleta disputou neste sábado (16) o título de melhor faixa verde do mundo de jiu-jistu

A expectativa era grande, mas não foi maior do que o foco, a dedicação aos treinos e a concentração que Caio Felipe Ramos, 15 anos, teve durante o período que precedeu a luta deste sábado (16), no Rio de Janeiro. Até que chegou o dia da disputa entre o joinvilense e o australiano Kyle Mayocchi, no The Orange League World, para o tira-teima: saber quem seria o melhor faixa verde de jiu-jitsu do mundo.

Preparados e bastante focados, os dois atletas subiram no tatame por volta das 19h30. O australiano venceu com dois pontos de vantagem. “Infelizmente não consegui levar a vitória para casa. Meu adversário foi esperto e conseguiu amarrar a luta. Agora vou focar ainda mais nos treinos para as próximas disputas. Mas como meus pais e treinadores dizem, eu só tenho 15 anos e muito caminho pela frente”, diz, ainda triste, o atleta, que em janeiro conquistou o título de melhor faixa verde de jiu-jitsu do Brasil.

O atleta aproveita a oportunidade para agradecer à família, aos amigos, patrocinadores e a todos os demais que ajudaram na campanha de financiamento coletivo para que ele conseguisse os recursos para viajar para a disputa. “Meu muito obrigado a todos que me ajudaram. Podem ter certeza que eu ainda vou dar muito orgulho para vocês.”

Caio, os treinadores e o pai viajaram na última sexta-feira (15) para o Rio de Janeiro. Eles retornam a Joinville nesta segunda (18).

Família e amigos reunidos para assistir à luta

Foi com o coração apertado que Juliana Ramos, mãe do Caio, assistiu à luta direto de Joinville. Ela, os familiares e amigos mais próximos se reuniram na casa dos padrinhos do garoto para torcer. “Meu filho fez uma ótima luta. Mas hoje não deu. Já falei com ele por telefone e disse que ele continua sendo o nosso campeão, nosso orgulho, o melhor faixa verde do Brasil”, conta ela, ainda emocionada, reiterando que a disputa deste sábado (16) foi mais uma experiência para o filho.

Melhor faixa verde de jiu-jitsu do Brasil

Caio Felipe Ramos conquistou o título de melhor faixa verde do Brasil no GP da liga da Copa Podio, evento que reuniu os melhores lutadores faixa verde (até 67kg) do Brasil, em São Paulo, na segunda semana de janeiro. O atleta começou a lutar aos oito anos num projeto social na Escola Municipal Padre Valente Simioni, no bairro Aventureiro, em Joinville, Norte de Santa Catarina. Desde então conquistou 45 medalhas – 35 de ouro, nove de prata e uma de bronze.

Três dias para o fim da campanha de financiamento coletivo

Para conseguir recursos para custear a viagem (passagens aéreas, hospedagem, alimentação e transporte) da equipe, calculados em R$ 4 mil, o atleta lançou uma campanha de financiamento coletivo. Podem feitas doações a partir de R$ 10 – no boleto, no cartão de crédito, e até parceladas.A vaquinha virtual está disponível no site caioramosbjj.com.br e receberá doações até a próxima segunda-feira (18). Faltam três dias.


Compartilhe este conteúdo

Deixe um comentário